Om Nom: Merge – Indigestão de Publicidade

Sou um grande fã da Zeptolab, são os meus ídolos no que toca à criação de jogos para telemóvel/tablet. Cut the Rope, o primeiro jogo deles é genial, um jogo de puzzle  gratuito que me fez comprar um caro iPAD Mini! King of Thieves, outro da Zeptolab, foi o jogo que joguei durante mais tempo na minha vida, mais de um ano, várias vezes ao dia até me forçar a parar!

Mas chegamos então a Om Nom Merge que não é criado directamente pela Zeptolab (funcionam como produtores para o estúdio Amuzo) mas usa os seus personagens e reaproveita até de forma bastante directa ilustrações e sons dos seus restantes títulos.  A jogabilidade é básica, uma variante dos jogos 2048 e Threes (que me agradam) mas muito mais kid friendly já que nunca é possível perder. O que fazemos é juntar duas criaturas iguais para criar outro monstrinho de nível superior e assim sucessivamente até completar a coleção de 49 Pokémo… perdão, 49 amigos do Om Nom!

Para isso devemos alimentar os bichos, o que nos traz como recompensa dinheiro virtual (os bichos defecam dinheiro após comer fruta?). Com o dinheiro podemos acelerar o processo e comprar mais bichos ou evoluir alguns parâmetros para tornar os nossos ganhos mais eficientes. Tudo isto é muito simples e o jogo quase que se auto-joga… mas mais uma vez não consegui resistir à genialidade da Zeptolab e vi-me compelido a pegar no telemóvel repetidamente numa rotina diária de arrastar mais umas criaturas para cima das outras, pô-las a comer fruta, defecar dinheiro, etc…

O jogo é basicamente só isto mas não falei ainda dum ponto fulcral… se queremos acelerar processos, ganhar mais dinheiro ou fazer o que quer que seja dentro do jogo temos sempre a hipótese de pagar por isso… e não, não gastei um único cêntimo do meu bolso mas usei uma alternativa que nos é constantemente proposta: “vê um anúncio publicitário!”

e eu vi…

Oh se vi!

Vi dezenas deles!

Por vezes o mesmo anúncio repetido 5 vezes seguidas em menos de 2 minutos…!!

É verdade que só temos que aceder às publicidades se assim o escolhermos mas as vantagens de o fazermos são tão significativas que quase não é possível jogar sem ser assim. É evidente que isto é apenas uma máquina de fazer ver publicidades (mas mesmo à descarada) e é daí que vem o seu ganha-pão.

Mas eu levei a melhor! Passou um mês do lançamento de um jogo que era suposto ser infinito e eu consegui acabá-lo! Consegui encher os 15 espaços disponíveis com as criaturas do nível mais elevado possível, não há nada mais para juntar nem nada mais a fazer porque cheguei ao limite máximo do que era possível chegar!

Xeque-mate Zeptolab, não ganharás mais dinheiro com as minhas visualizações de publicidade!

Por outro lado, conseguiram que eu visse num mês mais publicidade online do que já vi no resto da minha vida… Tudo isto com um jogo que nem é nada de especial. É básico… mas estranhamente viciante!

Parabéns Zeptolab era isto que querias não é? Venceste outra vez!

Jogabilidade – 2/5

Vício – 5/5

Capacidade manipulativa com fins gananciosos da Zeptolab – 5/5

jogo disponível para Android aqui e iOS aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s