O melhor e o pior

Inicialmente não liguei muito nem ao Facebook nem ao Instagram, fui daqueles utilizadores a já chegar tarde a cada um deles. Ainda assim, depois disso passei pela fase do vício e de gastar as pontas dos dedos de tanto  scroll que ia fazendo pelas páginas abaixo. Neste momento já não perco demasiado tempo nem com um nem com o outro como lazer,  uso-os sobretudo como ferramenta de trabalho.

Fazer um “versus” entre Facebook e Instagram é um bocado estúpido. Primeiro porque são plataformas com as suas próprias especificidades e segundo porque são as duas do Mark Zuckerberg, o que significa que o facto de muitas pessoas não se decidirem por uma nem pela outra é perfeito para quem é dono de ambas.

Além do seu CEO, há outra coisa que as une: terem interfaces péssimos!

Uma é demasiado cheia e confusa,  a outra limpinha mas pouco funcional. Parece inacreditável como é que plataformas que são usadas por tanta gente mantêm-se ao longo dos anos tão pouco intuitivas e limitadas em algumas das suas funcionalidades. Além disso, cada uma delas tem um bom conjunto de estupidezes:

Facebook, o pior 2/5:

  • É tão atolado de tralha e publicidade  que se afastou totalmente do seu objetivo inicial: cuscar as vidas dos outros!
  • Permite ter fotos de perfil animadas… mas só mexem quando lhes apetece
  • São-nos apresentados os posts do mesmo conjunto repetitivo de pessoas. Não podiam ir variando quem mostram? Quando variam mostram-me pessoas que nem conheço!
  • As pessoas tornam-se selvagens nos comentários, de trolls a social justice warriors (aqui talvez não seja tanto culpa da plataforma em si).

Instagram, o pior: -2/5

  • Tem versão browser para ver no computador mas só permite publicar a partir do telemóvel;
  • Só permite ter vídeos até 1 minuto no feed  e o resto tem que passar para o IGTV;
  • Ainda mais idiota do que o ponto anterior, aparentemente, nos relógios destes génios da informática 1 minuto dura 58 segundos pois dizem que podemos pôr vídeos de 1 minuto mas, na prática, não é bem assim;
  • Se comentarmos um post a mensagem é pública para toda a gente. Se comentarmos uma story já se está a enviar uma mensagem privada para a pessoa, que sentido faz?
  • e nem me façam falar dos sistemas de notificações e mensagens do Instagram… são instragáveis mesmo!
  • Uma plataforma com poucas possibilidades de interação devia ser fácil de usar, certo? Esta não! Tem pouco onde clicar e mesmo assim consegue ser confusa quanto baste.
  • Porque raio é possível ter links no Facebook e no Instagram não? Tem algum jeito toda gente dizer “link na bio”?´ Ai isso é uma funcionalidade premium? Olha metam o premium no…
  • Para que raio tem que se usar # para identificar uma coisa  e @ para outra!? Se fazem basicamente o mesmo não podiam optar só por um dos caractéres?
  • E a gestão de perfis empresariais partilhados por várias pessoas? É uma grande treta e uma enorme confusão! Há páginas que tenho a meu cargo que só consigo aceder a elas se primeiro acender uma velinha!

Mas pronto, se são usados por tanta gente alguma coisa têm de bom, certo?

Facebook, o melhor: 3/5

  • Permite encontrar velhos conhecidos ou novos contactos e pesquisar sobre a vida deles como um verdadeiro stalker.
  • Ajuda a entreter nos tempos mortos em que queremos desligar o cérebro e deslizar o dedo.
  • Tem grupos temáticos onde podemos encontrar artigos interessantes ou apenas ver toda gente a discutir por tudo e por nada

Instagram, o melhor: 4/5

  • Põe de lado o hábito horrível de pôr as pessoas ler e foca-se no que interessa, imagens bonitas
  • Também é bom para desligar o cérebro
  • As stories são ainda melhores para praticarmos um estado vegetativo visto que até avançam sozinhas e nem temos que cansar o indicador ou o polegar a percorrê-las.

Por esta comparação profundamente científica consigo tirar algumas conclusões preliminares. As redes sociais são boas plataformas para perder tempo, principalmente se não quisermos ter nenhuma participação ativa mas quando tentamos de facto usá-las para algo produtivo, as suas fraquezas começam a vir ao de cima. Se calhar é um sinal de que não as devíamos usar para trabalho mas somente para ver vídeos de gatinhos. O Instagram é mais agradável para o utilizador comum mas o Facebook tem um leque de funcionalidades úteis muito maior.  São fáceis de usar se queremos apenas vegetar a deslizar página abaixo mas se queremos fazer algo com eles são ambos uma caca, sobretudo o Instagram… mas que rede social poderíamos usar, o Linkedin? Puxa esquece lá isso, que não ando à procura de emprego!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s